Resenha Literária Badwolf13

Resenha: Darkson, O Pirata Das Trevas

Titulo: Darkson, O Pirata Das Trevas

Autor: Marcos Perillo

Editora: Novo Século

Darkson, O Pirata Das Trevas badwolf13

Sinopse:

Um ser humano duplamente amaldiçoado. A primeira vez, quando ainda  bebê, pelo diabo, marcando seu destino para todo o sempre. A segunda, antes de completar o profético e macabro trigésimo terceiro ano, por Netuno, transformando-o em um verdadeiro anti-herói, eterno, vagando entre o mundo das trevas e dimensões atemporais do nosso planeta.

Como pano de fundo, prostitutas, drogas, sexo, crimes é uma gigantesca batalha entre o bem e o mal. De cruel e sanguinário pirata a cruel e sanguinário herói. Essa é a sina de Darkson – O Pirata Das Trevas, um personagem que o mundo nunca viu.

Gênero: Aventura

“O homem negro pegou o recém-nascido, cujo era em demasia naquele momento, olhou bem em seus olhos e, lentamente, levou o doce rostinho a encontro do seu. Foi até o corte de navalha, a essa altura já sangrando um pouco mais, e começou a lamber cuidadosamente.”

 

Resumo Do Livro

⚠️⚠️Spoiler Alerta⚠️⚠️

Darkson, O Pirata Das Trevas badwolf13 2Depois de ter a alma vendida quando ainda bebê, a vida de Darkson não seria uma vida normal como da maioria dos humanos.

Seu pai lhe abandonou pouco depois do ritual e o pobre bebê foi criado por prostitutas e uma em especial lhe dava todo amor que uma mãe poderia dar a seu filho.

Darkson cresceu em meio à drogas, prostituição e muito álcool, levando tudo isso para sua vida adulta.

Ele sempre teve um enorme carinho pelas mulheres da noite, afinal, foi criado por elas e todo esse carinho foi transformado em proteção.

Em uma certa noite, Darkson ainda jovem se deparou com a cena em que “sua mãe” era agredida por um bêbado sedento por sexo. A raiva lhe subia a cabeça e a primeira vítima de Handless foi decapitada.

Darkson se tornou um Pirata cruel e renomado, ao lado de Handless não perdoava nem uma mosca que ousasse chegar perto de seu barco, O Last Voyage.

 Por muitos anos, O Pirata, a espada e o barco foram os causadores de muita desordem e de uma grande chacina por todo oceano, derramando sangue de quem quer que fosse pelo lar de Netuno, o Deus das águas.

Cansado de tanta maldade sendo executada em seu território, Netuno decidiu dar um basta nas ações de Darkson e o amaldiçoou pela segunda vez.

“- Todas as noites de super lua, a lua mais cheia das luas cheias de sua fase, você voltará para o planeta Terra. Não sei onde, nem quando, só sei que voltará. Será o mesmo pirata cruel e sanguinário que é hoje. Terá seu pequeno barco como também sua fiel escudeira Handless. Ouro, mulheres, drogas e álcool nunca lhe faltarão. Andará sempre com pessoas da sua laia, e pilhagem será sempre sua maior sina […] “

 

Resenha

Darkson é um livro sem igual, eu me sinto atraída por ele. A leitura é leve e simples, mas que te puxa e não te larga mais. Mesmo o pirata sendo o mais cruel que você possa imaginar, ele faz com que  goste dele e que sinta pena depois de ter sido amaldiçoado pela segunda vez.

O livro excita os leitores e a torcida para que Darkson mate cada vez mais, é alta.

A falta de alguns detalhes deixa os leitores intrigados, porém imaginamos que possa ter uma continuação.

 

Apresentando o Autor – Pequena entrevista

Marcos Perillo nasceu em 1968 na cidade de São Paulo. Mas, apesar do berço paulista, viveu seus primeiros 30 anos na zona sul do Rio de Janeiro e mora em Curitiba desde 1998. é formado em administração e atua como diretor financeiro em empresas.

Além de Darkson, Perillo também escreveu um livro de empreendedorismo “Empreender sem Administrar não Dá.”

“Escrever Darkson foi um mergulho nos anos 1980, década em que vivi minha adolescência. Rebelde sem causa, roqueiro e surfista em um Brasil recém saído da ditadura, onde ventos de liberdade sopravam os longos cabelos da juventude. Dessa viagem no tempo… e minha desde sempre paixão por comics – Cona, Motoqueiro Fantasma Elric, SAin City, dentre outros, floresceu Darkson, um anti-herói ímpar, malvado cruel e impiedoso como o mundo nunca viu.”

Para ele, escrever Darkson foi realização de um sonho da adolescência.

“Eu sempre quis criar um herói. Não consegui. Dei a luz a um ser estranho, um espírito amaldiçoado, um assassino em série que faz o Bem através do Mal.

 

Comentários de outros leitores

“Esse livro pra mim foi algo que me surpreendeu, tem misturas peculiares com o personagem principal amaldiçoado duas vezes tornando assim um anti-herói, deixando em mim um gostinho de quero mais.”

-Dayane Vidal – @folhas_alheias

“Darkson é um livro forte e brutal. Uma leitura fantástica de algumas horas, com uma narrativa crua, deixa o leitor com gosto de quero mais na boca. Incrivelmente viciante, te deixa ansioso para a próxima aparição dessa infeliz alma amaldiçoada.”

– Carla – @Ixterdiary

Darkson aborda uma questão interessantes, que muitas vezes passa apenas pela simplicidade do bem vs mal. É o bem sendo feito através do mal, essa é a essência de Darkson. Isso é ele.

– Flavia Kalpurnia – @flavia_escritora

Se gostou do conteúdo, curta a fan page, clica no link para poder ver outra resenha do blog.

Até mais!!!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s